Cantinho do café e a paralisia Pinterest

Desde que descobri o Pinterest, tento me controlar para não sofrer de “paralisia Pinterest“, sabe como? Você vai pinando, pinando um álbum da casa maravilhosa e passa tantas horas fazendo isso que no final dá preguiça de mover uma palha resolver afinal qual será seu projeto inicial para a transformação do humilde lar na casa cheia das ideias do Pinterest. Na sociedade pós-moderna em que vivemos isso está se tornando algo tão sério (modo irônico ligado) que há quem recuse a rede social para salvar seu casamento, e até quem saiba reconhecer os sintomas, realizar o diagnóstico e indicar os passos para te tirar desta inércia, com planejamento free para o seu próximo projeto craft e tudo, aproveita!

Eu, pra variar, desenvolvi meu método próprio de cura. Identifico um problema ou ideia para casa, pino algumas inspirações, faço um croqui rápido para ver o que preciso e uma lista do material que necessito comprar, separo o que já tenho e deixo em cima da bancada (praquelas tranqueiras ficarem me olhando mesmo, com cara de bagunça e eu me resolver a fazer o projeto de uma vez por todas). Pausa. Normalmente demora uma ou duas semanas pra eu animar ir na loja de material de construção com a filha na garupa, mas uma hora isso finalmente acontece e aí me ponho a aproveitar os cochilos da pequena e realizar as tarefas.

Pois nos últimos meses eu ando pinando ideias para minha cozinha (já viu este álbum com ideias deliciosas para casa? e este outro ideário só com Do It Yourself, ou melhor, Faça Você Mesma possíveis em madeira?) e uma das primeiras que eu queria fazer nas férias era um cantinho para guardar as coisas de café e chá. O café aqui em casa é com o marido, fervido com açúcar na chaleira, coisa de mineiro, estranho mas não discuto porque adoro e o meu não chega nem perto do cheiro do dele. Para prestigiá-lo nas rodadas pós almoço de domingo, eu dei um conjunto de xícaras de ágata para cafézinho, que estavam meio que fora de lugar, entulhando o visual do armário da vovó. Então descobri em blogs gringos que eu queria uma “coffee station” e olha as belezinhas garimpadas no bendito Pinterest.

Imagens 1 e 2 . 3 . 4 e 5 .

Antes da paralisia se estabelecer, fui logo tratando de aplicar meu método. Tudo muito simples, juntei um cabideiro que eu já havia começado e não sabia o que iria fazer (no caso a tábua azul calcinha com ganchinhos e um porta-cintos em metal, resto da desmontagem de um guarda-roupa), um pedestal em mdf sobra da oficina que cortei no meio e perfurei, e uma tábua para fazer a prateleirinha. Para limpar as partes em metal me baseei na receita da Gabi Dantour, da Parede Indecisa (adoro este nome!), só que ela usou limão, e como eu não tinha, usei vinagre + bicarbonato de sódio e… derreteu meu dedo funcionou como mágica! Recomendo! Fica a dica para limpar metais, é como tirar com a mão, o metal fica novo, um brilho só! Aí foi medir, furar, medir de novo com as xicrinhas e o porta papel/plástico (outra função que o “móvel” precisava desempenhar, esqueci de te avisar), lixar, pintar, encerar, pendurar, ufa!

Step by step, ooh babe! Gonna get to you girl…

E eis o close final, entre o armário da vovó e a porta do banheiro, num ex-cantinho inútil, a nova coffee & tea station! Cor Vermelho Escuro, referência M021, de um catálogo velho da Suvinil.

cantinho do café
Cantinho do café: vai pra categoria feito!

Só depois que eu havia terminado tudo e pendurado, me dei conta de que podia ter aproveitado a cor azul calcinha que estava por baixo, e deixado um desenho vazado, tipo um stencil, colado em contact-it. Desde o início queria um desenho de um ramo de café, mas não tive a ideia na hora certa. Deixei para fazer em branco depois e desanimei, achei bonito só em vermelho mesmo e pronto. De toda maneira, fiquei feliz com o resultado, cumpriu seus objetivos. Quem sabe uma hora eu desparafuso tudo e me presto a renová-lo, um dia, quem sabe, talvez… Agora me conta que tu achou? Ficou bom assim?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *